Carteiras e Carteiros Canadenses Forçados a Voltar ao Trabalho, Apoiadores Presos

Em parceria com o CUPW, o Sindicato Canadense dos Trabalhadorxs dos Correios, que representa 50.000 trabalhadorxs de costa a costa que trabalham para os Correios do Canadá.

Em 27 de novembro, mais de 50.000 funcionárixs dos correios no Canadá foram obrigados a voltar trabalhar pelo governo liberal após cinco semanas de greve rotativa, violando efetivamente seu direito à livre e justa negociação coletiva e seu direito à greve, conforme a Carta Canadense de Direitos e Liberdades.

Ao retirar o direito dos trabalhadorxs de greve e negociar acordos, o governo resolveu que corporações e empresas são mais importantes que os direitos dos trabalhadorxs.

Por mais de um ano, o Sindicato Canadense dos Trabalhadorxs dos Correios (CUPW) tem negociado com a Canada Post para chegar a acordos coletivos que abordam questões importantes que preocupem os trabalhadorxs há anos - disparada das taxas de lesões, desigualdade, sobrecarga e excesso de trabalho, e uma dependência estrutural nos contratos de trabalho precário. O governo não apenas removeu o direito de greve, como forçou os funcionárixs dos correios a retornarem aos seus empregos e a enfrentar as mesmas questões não resolvidas na época mais movimentada do ano.

Desde que os trabalhadorxs dos correios foram legislados de volta ao trabalho, o movimento sindical e os membros da comunidade se uniram, organizando piquetes em numerosas instalações do Canada Post em todo o país, em solidariedade com os trabalhadorxs dos correios. Alguns apoiadorxs foram presos, mantidos na cadeia durante a noite e devem retornar ao tribunal no ano novo.

Um fundo foi criado para cobrir os custos legais. Se você quiser doar, visite esta página do GoFundMe .

O direito à negociação coletiva e o direito à greve, protegido pela Carta Canadense de Direitos e Liberdades, vale sempre a pena defender. Chefes e governos nunca nos deram direitos pelos quais não lutamos, e esses direitos não têm sentido se não forem defendidos. Ajude CUPW a fazer isso: envie uma mensagem de protesto ao governo do Canadá.


Você pode contribuir! Escreva seu nome e endereço de e-mail e clique em ‘Enviar Mensagem’ no final da página.

Nome:
[obrigatório]
Endereço de e-mail:
[obrigatório]
Seu sindicato/entidade:
Seu país
Digite aqui sua mensagem – ou use a mensagem já existente.


Se deseja receber informações sobre as campanhas que apoiamos e ações urgentes, por favor clique aqui:

Stop spam!
Digite o número 3980 aqui:

Obrigado





Sua mensagem será enviada para os seguintes endereços de e-mail:
justin.trudeau@parl.gc.ca, Carla.Qualtrough@parl.gc.ca, Patty.Hajdu@parl.gc.ca, Jessica.L.McDonald@canadapost.postescanada.ca, feedback@cupw-sttp.org